quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

Motivos pra agradecer....rir de si mesmo!!!


Ficou marcada na memória uma manhã em que eu descia a Rua Augusta pra ir trabalhar. O chão era daqueles bloquinhos de pedra. Sei lá se eu virei o pé ou o que é que foi, só sei que me estabaquei na rua. Claro, nem olhei pros lados. Só sei que eu ri, mas como eu ri, devo ter descendo a rua inteira rindo. Não lembro se rasguei a calça, só sei que marquei os joelhos. Ah, eu também, distraída, já dei de cara no poste....e ri.
Eu já errei o lado do metrô.
Eu sou super destrambelhada, vivo cheia de roxos.
Eu sou palhaça, adoro rir e fazer rir.
Mas não sei contar piadas. Na verdade, não as lembro.


E eu acho que essa virtude, sim, eu acredito que seja, é um dos muitos motivos pra agradecer.

Acredito que tudo tem uma razão de ser, de acontecer, ok, levar tombos talvez não tenha rs, mas ser "easy going", ter bom humor (ok, nem sempre, se me fizer esperar muito, verá que não rs), ajuda a ter dias bons e sem dúvida ter uma vida melhor.

E eu agradeço sempre esse jeito que Deus me fez: feliz, palhaça, meio boba.


Obrigada, Senhor!!

terça-feira, 26 de janeiro de 2016

O samba vem me chamar...

Os 4.0 já chegaram e vieram com TUDO!!

"Eu sou é da Gaviões da Fiel...
eu sou da vida...
Eu fico todo arrepiado,
Olha,
Quando eu entro na avenida..."


E uma das festas foi estar na avenida, grudada na bateria da minha escola do coração!! 

Meu sorriso diz tudo: 4.0 F-E-L-I-Z!!

Eu tenho mesmo muitos motivos pra agradecer!!!

quinta-feira, 14 de janeiro de 2016

Milhões de motivo pra agradecer....Pôr do Sol!!!

Eu sou uma amante dos detalhes...
Eu sou uma amante da natureza...
...quem me conhece, sabe!

Eu teria milhares de fotos pra colocar por aqui de pôr do sol, de bichinhos, de luas, de mato...só não tenho tempo pra procurar nos meus inúmeros sites virtuais!rs

(fui buscar mais algumas, volto já!rs)


Uma vez fizemos uma viagem longa, bem longa, e eu dirigia. No final do primeiro dia, em Carmel/CA/EUA, chegamos depois de muito desespero, ruas afuniladas, berros da motorista (eu) com sinais fechados, e - GAD - um local pra estacionar na boca do gol, um dos mais lindos (pelo fato do sol descer no horizonte, no oceano) e coloridos pores do sol da minha vida. Chorei de alívio e emoção! Foi uma aventura e tanto. No dia seguinte, também de estrada, o céu e o sol estavam maravilhosos, portanto, seria mais um lindo pôr do sol. Acelerei mais ainda afim de chegar na praia de destino a tempo do espetáculo, mas desta vez não deu, mas vi e fotografei um crepúsculo ímpar e inesquecível. Depois dessas, fiquei conhecida como a maluca do pôr do sol.


Em São Paulo temos a Praça do Pôr do Sol...já fomos várias e várias vezes só pra contemplar e bater palmas (eu bato!!) pra essa coisa linda, essa despedida do astro rei.

Não é a toa que um dos meus sonhos é ver o Pôr do Sol lá no Rio Paraíba, em João Pessoa, ao som do tão amado e por aqui escutado, Bolero de Ravel.

Sou muito agradecida pela sensibilidade de me importar (e emocionar) com detalhes e por ter tido a oportunidade de ver incontáveis e dos mais variados tipos e locais, o Pôr do Sol.

E isso eu não me cansarei JAMAIS!!

Obrigada, Senhor!!


Ahhhhhhh e mais um VIVA BEEEEM grande pra tudo aquilo que o homem não precisou colocar a mão!!!