quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

BocadinhoS daS SemanaS!!

Correria mega master blaster...
Tudo junto e misturado and....GO!


Desfile...Carnaval...


Indaiatuba...Skye Bar...japa...aula de dança...foto com o Paulinho...rs


Aniversário, ok, já tô quase fazendo 38...rsrs


Muito a agradecer: Obrigada Senhor!!!

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

Famílias com Sêlo de Qualidade

Uma vez vi a entrevista dele, se não me enganom no Amauri Jr e fiquei fascinada com suas colocações sobre diversos assuntos (relacionamento, jovens, política...), bom senso e respostas devidamente bem colocadas.

E aí vem este texto que prontamente concordei em gênero, número e grau!!!

Virei fã!

__________________________________________________________________


Família não começa de uma hora para outra, família é fabrica de gente. Você quer mais responsabilidade do que fabricar pessoas?

Para uma empresa receber um selo de qualidade todo o processo é analisado. Se você estivesse que pensar na estrutura familiar que você tem, e lhe dessem a autoridade de colocar um selo em cada pessoa, qual seria o selo que você colocaria? Qual selo de qualidade você colocaria na sua família?

Produzir gente dá trabalho, não é fácil, produzir geladeira é melhor. Na hora que você esbarra em que você tem que dar qualidade a um filho, a um matrimônio, a uma família, não é fácil. Ninguém pode esperar um bom resultado se não fez um bom processo naquela hora. Ser família é um processo artesanal.

Casamento, é processo de desdobramento, eu conheço um pouco mais de você a cada dia, selo de qualidade. Colocou um filho no mundo, não pode brincar de ser família.

A ação evangelizadora, principalmente de nós padres, tem muito acesso aos erros que cometemos, as vezes eu no confessionário, eu fico assustado com o que os jovens me contam, o que identifico, é que o caráter está mole feito gelatina, o processo de produção não foi bem feito.

Se não está dando certo do jeito que estou tratando meu filho, preciso tratar de outro jeito, é a vida com Deus que vai nos ajudando a aceitar o caminho certo.

Se você não olha para sua cria de maneira certa, você perde ela para o traficante. Ele está por ai, ele busca matéria prima do outro. Ele não vicia o filho dele, mas do outro. E é ai que você tem que olhar para mais urgente e primeira necessidade, é meu filho. Se eu negligenciar o meu papel de pai, de mãe, outro vem fazer. O filho que você colocou no mundo, você quer que se torne matéria ruim? O que entra na sua televisão, quais são os jogos que eles se divertem? O que você está fazendo pra que seu filho não seja um presa fácil, para os que estão de plantão nas portas de nossas casas?

Cada pessoa é um empresa, se não ficamos de olho, ela pode falir.

Ser pai, ser filhos, ser irmãos é colocar o selo de qualidade todos os dias. Hoje eu quero ser o melhor pai, a melhor mãe, mesmo que eu trabalhe muito. Pai e mãe que não olha os filhos nos olhos corre o risco de não reconhecê-lo mais. Um encontro de verdade é o que possibilita de estarmos inteiros.

Dar a luz é processo que não termina. O bebê saiu do seu ventre e a partir que ele sai do seu ventre, você tem que lutar para que esse processo de luz não termine, pai tem que dar a luz todos os dias. Ninguém mandou você ter filho, ninguém mandou você abrir essa empresa. Alguém lhe obrigou a ter filiais? A mulher é matriz e os filhos, filiais. Ninguém mandou abrir empresa, as sagradas escrituras mandou ficar solteiro, São Paulo dizia: "se já se casou tudo bem, mas se não casou pense bem".
 

Se você já teve, fique atento, administre bem essas crias. Na preguiça ninguém será um bom pai, uma boa mãe, precisa ter autoridade, Chega de empresa falida, nós que cremos no Cristo ressuscitado, não temos outro coisa a não ser a vitória.

Precisamos sair daqui amanhã, cheio de vontade de aprimorar nossos processos. Não podemos vacilar um minuto sequer, é por isso que a família precisa ser nosso principal investimento. Se seu filho for roubado pelas drogas, por todas as estruturas diabólicas, não tem cheque que você possa fazer, que restitua o que você humanamente perdeu. Se a gente descuida é bem provável que o inimigo esteja comendo os pés dos seus filhos e eles não consigam ficar de pé.

O álcool socializado é risco para as famílias, é um problema na nossa sociedade, padre que não prega contra isto, está pecando.

Por mais que a vida tenha modernizado, não podemos esquecer que o amor é artesanal, e a família não é produção em série, é amor todo dia. Quando você sabe que esse filho precisa ter selo de qualidade, o mesmo cuidado físico, é o cuidado da alma. Amar nunca estressa, o que estressa é quando a gente começa a colocar na vida o que não precisa ser colocado.

Se você não se empenha, não começa a colocar ordem, no dia que você quiser colocar, ele não vai aceitar.

Qual é o selo que estamos colocando na porta de nossa casa?

(Padre Fábio de Mello)

segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

Simplesmente Feliz!

Hoje o meu menino iniciou o


Ele já não é mais criança faz tempo, mas hoje, pra mim, ele cresceu ainda mais.

Acho que eu sinto isso porque é a primeira época que tenho clara em mente, me lembro de muitos momentos.
O fato é de que ele já é quase um adulto, já pode (e faz questão) até votar.

Se a nossa diferença de idade de 20 anos sempre foi pequena, hoje ela é ainda menor.

Maior? Só a preocupação e a responsabilidade, a minha e a dele!

Me sinto feliz. Feliz porque ele optou por um colegial técnico. Eu realmente acho que isso vai ajudá-lo agora e sempre. Eu gostaria de ter tido essa luz lá atrás, queria mesmo.

Estou feliz porque estou confiante no novo colégio dele. A proposta e as oportunidades são enormes. Espero que ele aproveite uma a uma e faça jus aos inúmeros centavos gastos vindos de muita abdicação e suor.

Estou feliz porque converso, sempre conversei, muito com ele. Tento de todas as maneiras mostrar como as decisões e posições de hoje, estão diretamente ligadas com o seu futuro e não é nenhum pouquinho fácil falar de futuro, de 5, 10 anos a frente. Ele é moleque de tudo, pensa e age, como muitos adolescentes, como se não houvesse amanhã. Mas nós, já crescidos, sabemos que não é bem assim. E eu, como mãe, tenho a obrigação de falar 1, 2, 3 vezes, aguentando a cara (muito) feia dele ou não. Sim, é difícil pra caramba, muitas vezes beira o impossível e eu? Tô nem aí. Esquece o bico do menino, pede pra ele olhar no seu olho, e repete e repete!!

Inclusive eu já falei pra ele se preparar que esse ano vai ser estressante, eu sei. Parece que vejo o futuro: uma vez por semana, no mínimo, vou ter que lembrá-lo que ele está na escola pra estudar; que a proposta dele ter ido pra aquela escola foi outra; que o nosso combinado foi o comprometimento da parte dele e da minha, um gasto maior. Sim, ele sabe exatamente quanto estou pagando pela mensalidade daquela escola e sabe também que não será fácil pra mim. E sabe ainda, porque sempre deixei bem claro, que estou investindo no futuro dele e pra ele. Já enumerei as possíveis oportunidades e as portas que podem, E SERÃO abertas. Sempre, pensando no melhor.

E sempre deixei muito claro que, hoje ele pode não entender do porque das coisas, das chatices, das caretisses, dos estresses, das cobranças, mas um dia, ele vai entender e melhor, agradecer por tudo. E só por isso basta.

Obrigada Senhor por me tornar consciente da minha responsabilidade como mãe. Obrigada pelo meu emprego que me proporciona fazer tudo isso pelo meu filho. Sei que não sou perfeita, mas o Senhor tem me ajudado, dia após dia, nesta luta. Por isso e por tudo eu te agradeço:

Obrigada, Senhor, obrigada, de coração. 
Eu Te Amo!



domingo, 3 de fevereiro de 2013

Cores, Colores e Calores...



 
 
E corujinhas porque a mamãe que eu amo, ama!!
 
 

 
 
Tudo lindo, da brasileiríssima aqui ó: Camila Rosa